04/10/2019 às 18h26min - Atualizada em 04/10/2019 às 18h26min

NO CAMINHO

"É nos fracassos que aprendemos e não no delírio do sucesso." (Bram Stoker).

Fredo Júnior

Geomendes
Há exatamente um ano, neste dia, uma parte da minha vida foi deixada para trás.
 
Nunca será fácil. Algumas vezes cometemos erros e pagamos um preço por eles. Em outras, o erro não está em que fazemos, mas no que somos. E neste caso, o preço é bem mais alto.
 
Em meus quase 48 anos aprendi que nem sempre as pessoas irão agir da mesma forma com que as tratamos. E muitas são as razões para isso. O tempo acaba revelando suas motivações.
 
Certo mesmo é que não sou mais o mesmo.
 
O deserto é um grande mestre e ensina muita coisa. Eu destacaria duas em especial.
 
A primeira é que quando se caminha por ele, nós descobrimos quem está ao nosso lado e para quem nós realmente temos significado.
 
E a segunda e mais importante, e que nem sempre estamos dispostos a compreender: caminhar pelo deserto é o preço que a liberdade cobra de quem tem valor.

"O mais importante não é porque se perdeu, mas é como se achou." (Jean-Claude Razel).
 

Link
Relacionadas »
Comentários »