12/05/2020 às 18h24min - Atualizada em 12/05/2020 às 18h33min

PREFEITO CUMPRE DECISÃO JUDICIAL E 255 COMISSIONADOS SÃO EXONERADOS EM RIO CLARO (SP)

Cargos foram criados no Governo Altimari e considerados ilegais pelo TJ-SP; Juninho enviou a Reforma Administrativa para reformular os postos de trabalho, mas vereadores derrubaram o projeto

- Da redação
Jornal Cidade Rio Claro
Acre 24 Horas
Na tarde desta terça-feira (12), o prefeito de Rio Claro (SP), João Teixeira Junior – Juninho da Padaria – (DEM)  cumpriu a decisão judicial do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) e exonerou 255 servidores em cargos comissionados na Prefeitura de Rio Claro.
 
A informação foi publicada pelo Jornal Cidade (JC) Rio Claro.
 
Criados no Governo Altimari (MDB), os cargos foram considerados ilegais pelo TJ-SP. Diante disso, o Governo Juninho enviou a Reforma Administrativa para reformular os postos de trabalho.
 
Os vereadores derrubaram o projeto de lei, cuja intenção era reestruturar os cargos em provimento de comissão na Prefeitura e no Daae. Somente a proposta direcionada aos cargos da Fundação Municipal de Saúde foi aprovada pela Câmara.
 
A lista de exonerações está disponível na edição do Diário Oficial do Município.
 
O Poder Executivo faz um alerta para o impacto que os serviços essenciais do município deverão sofrer, uma vez que os cargos são de liderança e chefia de departamentos, e envolvem dezenas de assessores, gerentes e diretores em várias secretarias municipais.
 
Os cargos do Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) deverão ser exonerados em breve.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é favorável à reabertura do comércio em Araras?

34.7%
63.7%
1.6%
FALE COM O INDEPENDENTE
Seja Bem-Vindo(a)!
Através deste canal você pode entrar em contato conosco, sugerir pautas, fazer reclamações, falar em nosso departamento comercial ou cadastrar-se para receber as notícias pelo Whatsapp.