03/07/2019 às 16h06min - Atualizada em 03/07/2019 às 16h06min

FROTA DE AVIÕES?

Decreto publicado na imprensa oficial formalizou a doação de aeronave recebida em 2012 , mas gerou confusão

- Da redação
Bonde Turismo Araras
Um “ato” no mínimo curioso chamou a atenção dos leitores do Diário Oficial do Município, na edição de terça-feira (02).

O DO publicou o Decreto 6.540, de 19 de junho de 2019, dispondo sobre o recebimento por doação de um avião do Comando Geral de Apoio da Aeronáutica, vinculada ao Ministério da Defesa.

Imediatamente surgiu a informação de que se tratava de mais um avião doado, gerando até uma certa confiusão e ao mesmo tempo um situação engraçada, acompanhada da pergunta “com tantas coisas prioritárias, o que a cidade iria fazer com dois aviões?”

A aeronave, na verdade, é o “caça” modelo Mirage III EBR, recebido em 2012, o que na ocasião também causou muita polêmica na cidade. O jornal Tribuna do Povo e o programa Jornal da Cidade na então Rádio Fraternidade AM abordaram o assunto, além do grupo de discussão no Facebook, Araras em Debate, que promoveram uma enquete sobre a questão.

A justificativa apresentada foi a de que “haveria o fortalecimento do turismo regional na cidade e que a sua instalação na Praça Roberto Mercatelli, entre o Ginásio de Esportes e o Lago Municipal visava atrair mais visitantes”, declarou a Secretaria de Comunicação Social e Institucional à época.

Procurada pela reportagem na manhã desta quarta-feira (3), a SECOM informou que “o que ocorreu agora foi a oficialização da doação através deste decreto, daquele que já está instalado em frente ao Ginásio, para que o bem possa ser incorporado ao patrimônio do município.”

Ainda de acordo com o órgão, a minuta da doação havia sido confeccionada na gestão anterior e agora seguiu a tramitação normal do processo, culminando na publicação do decreto.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Quantas doses da vacina contra a covid-19 (coronavírus) você tomou?

0%
50.0%
50.0%
0%
FALE COM O INDEPENDENTE
Seja Bem-Vindo(a)!
Através deste canal você pode entrar em contato conosco, sugerir pautas, fazer reclamações, falar em nosso departamento comercial ou cadastrar-se para receber as notícias pelo Whatsapp.