19/05/2021 às 16h34min - Atualizada em 19/05/2021 às 16h34min

Falta de chuva já provoca efeitos em Araras

SECOM
SECOM
A falta de chuva tem levado as autoridades públicas a ficarem em alerta para a necessidade de manterem o uso racional da água, já que nos primeiros meses deste ano o cenário de crise hídrica com seca severa vem se apresentando.

Essa falta de chuva tem preocupado o presidente do Saema (Serviço de Água e Esgoto do Município de Araras), Alexandre Castagna, que vem buscando alternativas para manter normal o abastecimento de água na cidade se a situação começar a se complicar.

“Os níveis de nossas represas estão bons, mas não podemos vacilar, por isso, estamos realizando a manutenção em nossas bombas no Rio Mogi Guaçu alterando a sua capacidade de vazão para quase que o dobro, assim preservamos a água nas represas durante esse período de estiagem.”, disse.

Além da manutenção nas bombas foi necessário também uma ampla limpeza no local do Rio Mogi Guaçu onde é feita a captação da água.

A orientação do Saema é para que a população contribua economizando e faça o uso racional da água, inclusive a autarquia estará lançando uma campanha em breve, pois a preocupação é muito grande pelo que está por vir com a chegada da estação seca.
 
Nível baixo
A falta de chuva neste ano já vem provocando efeitos, um exemplo é o principal reservatório que abastece a cidade de São Paulo que chegou a um nível muito baixo. A represa Atibainha, segunda principal represa do sistema Cantareira, localizada no município de Nazaré Paulista, está com cerca de um terço da capacidade e tem tido dificuldades em se recuperar depois da maior crise da sua história entre os anos 2014 e 2016.

Quando se trata do nível do conjunto de represas do Cantareira está bem acima da época da seca histórica, mas abaixo dos níveis pré-crise. A recomendação dos especialistas é para a população economizar água.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Quantas doses da vacina contra a covid-19 (coronavírus) você tomou?

0%
44.4%
55.6%
0%
FALE COM O INDEPENDENTE
Seja Bem-Vindo(a)!
Através deste canal você pode entrar em contato conosco, sugerir pautas, fazer reclamações, falar em nosso departamento comercial ou cadastrar-se para receber as notícias pelo Whatsapp.